"/> Chuva de medalhas na Maia


Chuva de medalhas na Maia

Um saldo final de quinze títulos, onze medalhas de prata e oito de bronze no Campeonato de Portugal e de Sub-23.

Disputaram-se, no passado fim-de-semana, em simultâneo o Campeonato de Portugal e o Campeonato Nacional de Sub-23 na cidade da Maia.

Além dos pódios coletivos, onde mais uma vez marcamos presença em femininos e masculinos evidenciamo-nos pela quantidade de subidas ao pódio dos nossos atletas.

Campeonatos de Portugal

Em 2015 os nossos atletas obtiveram uma vitória, quatro medalhas de prata e cinco lugares de bronze. Em 2016 a história foi outra com um total de seis títulos, quatro medalhas de prata e três de bronze.

Ancuiam Lopes assegurou lugar no Europeu em Amesterdão

Com um segundo lugar nos 100 metros e um sensacional recorde distrital de 10.37 segundos, Ancuiam Lopes garantiu mais uma internacionalização na estafeta de 4x100 metros no Campeonato da Europa, que se irá realizar em Amesterdão.

Foi ainda medalha de bronze na prova de 200 metros com o tempo de 21.47 segundos, ventosos.

Ophélie Oliveira, Evelise Veiga, João Fontela e Estafetas subiram ao mais alto lugar do pódio.

Foram três os títulos individuais de Campeões de Portugal!!!

Evelise Veiga no salto em comprimento com um surpreendente salto a 6.51 metros (ventosos) deixou a concorrência a mais de 20 centímetros e conquistou assim o seu primeiro título absoluto. Foi ainda medalha de bronze no triplo-salto com 13.33 metros (também ventosos).

Ophélie Oliveira renovou o seu título de campeã de Portugal no lançamento do peso com 12.58 metros e João Fontela nos 110 metros barreiras superiorizou-se em relação à concorrência e venceu em 14.25 segundos (ventosos) deixando o segundo classificado, Hélio Vaz, a mais de um décimo de distância.

As estafetas de 4x100 metros em masculinos, constituída por João Pinto, Bruno Gualberto, Pedro Bernardo e Ancuiam Lopes e em femininos por Jéssica Viegas, Bruna Silva, Raquel Lourenço e Andreia Grácio não deram hipóteses e triunfaram em 42.09 segundos e 49.55 segundos, respetivamente.

A estafeta de 4x400 metros, com Bruna Silva, Evelise Veiga, Carla Mendes e Jéssica Viegas foi também a grande vencedora com um novo recorde distrital absoluto 3:53.32 minutos.

Referência ainda para as medalhas de prata de Leslie Delgado nos 400 metros barreiras com novo recorde distrital de 59.14 segundos, Carla Ratão no lançamento do dardo, Guilherme Pinto nos 1.500 metros, e medalha de bronze para Daniela Paço no lançamento do martelo.

 

Campeonato Nacional de Sub-23

Femininos em segundo e masculinos no terceiro lugar do pódio

Coletivamente apenas o Sport Lisboa e Benfica em femininos se superiorizou à nossa formação, ficando bem perto e a apenas 10 pontos de diferença. A terceira posição do pódio ficou assegurada pelo Sporting Clube de Portugal repetindo assim a classificação do ano anterior. Em masculinos venceu o SL Benfica, seguido do Sporting CP e o Juventude Vidigalense conseguiu um brilhante terceiro lugar, depois de um segundo lugar em 2015.

 

9 títulos, 7 medalhas de prata e 5 de bronze

Mais 6 títulos que em 2015 foi o saldo dos nossos atletas que subiram por nove vezes ao lugar mais alto do pódio.

Evelise Veiga venceu o triplo salto e o salto em comprimento, Andreia Grácio acrescentou 15 centímetros ao seu recorde distrital e arrecadou a vitória no salto com vara com 3.80 metros, Ophélie Oliveira venceu o lançamento do peso, Miguel Carreira e Daniela Paço foram os melhores no lançamento do martelo, Guilherme Pinto nos 1.500 metros e as estafetas de 4x100m, masculinos e femininos e 4x400m femininos também cortaram a meta em primeiro lugar.



Parcerias Institucionais

Parcerias Privadas