"/> JV venceu o Tetratlo Jovem Distrital


JV venceu o Tetratlo Jovem Distrital

Os nossos atletas alcançaram um total de cinco vitórias individuais.

Realizou-se durante este fim de semana, o Tetratlo Jovem Distrital no Estádio Municipal de Pombal. Os nossos atletas conquistaram cinco dos oito títulos individuais em disputa.

No escalão de Infantis, Joana Gameiro dominou a competição feminina com um total de 1915 pontos e os seguintes parciais: 8.51 segundos nos 60 metros (recorde pessoal), 4,10 metros no salto em comprimento, 6,34 metros no lançamento do peso e 3:34.69 minutos nos 1000 metros. Ana Matilde Reis também subiu ao pódio, sendo segunda classificada com um total de 1856 pontos e os seguintes parciais: 8,83 segundos nos 60 metros (recorde pessoal), 4,48 metros no salto em comprimento (recorde pessoal), 7,87 metros no lançamento do peso e 3:53.74 minutos nos 1000 metros. No setor masculino, Eduardo Oliveira subiu ao segundo lugar com um total de 1286 pontos, alcançando ainda os seguintes parciais: 8.50 segundos nos 60 metros, 6,48 metros no lançamento do peso, 4,99 metros no salto em comprimento (recorde pessoal) e 3:58.84 minutos nos 1000 metros.

Em Iniciados, André Petriv venceu o Tetratlo 1 com um total de 2239 pontos, com os seguintes parciais: 15.50 segundos nos 100 metros barreiras (recorde pessoal), 1,63 metros no salto em altura (recorde pessoal), 10,69 metros no lançamento do peso (recorde pessoal) e 3:08.94 minutos nos 1000 metros. Francisco Silva venceu o Tetratlo 2, tendo alcançado um total de 2275 pontos e os seguintes parciais: 9.75 segundos nos 80 metros (recorde pessoal), 5,59 metros no salto em comprimento (recorde pessoal, 9,85 metros no lançamento do peso (recorde pessoal) e 3:05.12 minutos nos 1000 metros.

Diogo Meneses foi segundo classificado no Tetratlo 1 (2150 pontos) e João Calhau e Henrique Alípio completaram o pódio no Tetratlo 2, sendo segundo e terceiro classificados, respetivamente, com 1958 e 1793 pontos. No setor feminino, Ashley Nhunga foi segunda classificada no Tetratlo 1 (1879 pontos) e Mafalda Pires obteve a mesma classificação no Tetratlo 2 (2015 pontos).

No escalão de Juvenis, André Pimenta e Alina Humenyuk saíram vitoriosos, respetivamente com 2228 e 2359 pontos. Alina conseguiu três novos recordes pessoais, nomeadamente nas provas de 100 metros barreiras (15.86 segundos) e no lançamento do peso (10,27 metros), tendo ainda obtido as marcas de 2:48.86 minutos nos 800 metros e 5,16 metros no salto em comprimento. André conseguiu os seguintes parciais: 16.23 segundos nos 110 metros barreiras (recorde pessoal), 6,21 metros no salto em comprimento, 9,46 metros no lançamento do peso e 3:25.55 minutos nos 1000 metros. Juliana Brites (2274 pontos) e João Nunes (2146 pontos) foram segundos classificados.

No final, os nossos atletas conseguiram um total de 16.196 pontos, que lhes valeram a vitória coletiva.

 

Uma palavra ainda para os atletas em destaque nas provas extra, salientando-se as vitórias de Mafalda Pires nos 200 metros para Iniciados e Juvenis (27.21 segundos), alcançando a marca de qualificação para o CN Juvenis, assim como Carina Silva (27.39 segundos). No setor masculino, João Calhau venceu e melhorou o seu registo para 24.57 segundos. Sarta Sani melhorou o seu registo para 27.55 segundos. Nas provas de 300 metros barreiras para o mesmo escalão, Inês Santos alcançou um novo recorde pessoal de 51.27 segundos, ficando a escassos 3 centésimos da marca de qualificação para o CN Juvenis.

Na mesma prova para Juniores e Seniores, Bruna Silva venceu em femininos e José Santos em masculinos, ambos com um novo máximo pessoal de 26.12 segundos e 23.22 segundos, respetivamente. Cátia Jacinto, segunda classificada, melhorou também para 26.13 segundos. Renata Gomes foi terceira classificada com 29.01 segundos.



Parcerias Institucionais

Parcerias Privadas