"/> Ashley Nhunga convocada para Concentração Nacional


Ashley Nhunga convocada para Concentração Nacional

Estivemos à conversa com a nossa atleta sobre a sua integração nas atividades nacionais do setor de velocidade e barreiras.

Ashley Nhunga foi, em outubro, integrada no Estágio Nacional de Juvenis, pelo setor de velocidade e barreiras. Nos próximos dias 17 e 18 de novembro participará novamente numa Concentração Nacional que juntará os melhores atletas nacionais juvenis e juniores do setor.

Fomos conversar com ela, no sentido de compreendermos a sua visão sobre estas participações em atividades nacionais.

 

JV - A tua participação no Estágio Nacional de Juvenis marca a primeira experiência a este nível, correto? As tuas expectativas iniciais foram alcançadas?

      A minha participação neste Estágio marcou, de facto, a minha primeira experiência a este nível. Relativamente às minhas expectativas inicias, eu não tinha uma noção estruturada de como era o funcionamento de um Estágio Nacional. No entanto, aspirava assimilar o máximo possível em relação à técnica de barreiras e velocidade e aprofundar o meu conhecimento sobre a maneira como encarar as competições, podendo ainda ouvir o testemunho de pessoas envolvidas sobre as experiências vividas no atletismo e fazer novas amizades. Considero que todos estes objetivos foram alcançados.

 

JV – Sabemos que encaraste esta convocatória com alguma ansiedade. Queres falar-nos um pouco sobre isso?

      Como já tinha mencionado, eu não tinha uma noção estruturada sobre o funcionamento do Estágio, trazendo ao de cima algum nervosismo e ansiedade, dado ainda que, normalmente, quando vou para estágios ou situações relacionadas com o atletismo, tenho sempre algum dos meus colegas de clube por perto e naquela situação não, fazendo com que me sentisse um pouco “desprotegida”. No início, foi difícil de me adaptar e interagir com os outros atletas, no entanto com o passar dos treinos apercebi-me que estávamos todos ali em virtude do atletismo e que apesar de não sermos do mesmo clube tínhamos sempre esse ponto que nos unia.

 

JV - Consideras que estes momentos são importantes para o teu crescimento enquanto atleta? Em que sentido?

      Sim, acredito que estas oportunidades são imprescindíveis para o meu desenvolvimento enquanto atleta. Proporciona uma nova visão sobre aquilo que conhecemos sobre o atletismo e o trabalho necessário para a formação de um grande atleta. Aprofundei o meu conhecimento não apenas no setor em que estou enquadrada, mas também nas capacidades e conteúdos que complementam o treino, como os multissaltos, os multilançamentos, a halterofilia. Deu ainda a possibilidade de poder conhecer novas pessoas e aumentar o meu círculo de amigos.

 

JV - Foste novamente convocada para uma Concentração Nacional que juntará os melhores atletas juvenis e juniores do setor de velocidade e barreiras. Qual a sensação de poder partilhar experiências com atletas já com alguma experiência a este nível?

    É sempre extraordinário ter oportunidade de ouvir o testemunho de pessoas que já presenciaram todo o tipo de situações dentro do atletismo. Faz que com que aprendamos mais sobre o que é ser um atleta e todo o tipo de benefícios e abdicações pelo qual provavelmente passaremos. É, de facto, bastante vantajoso contar com a presença de atletas com experiência pois aprendemos sempre coisas novas. 

 

JV - Qual o balanço final da tua participação nestas atividades?

  Considero que a minha participação foi muito relevante para a minha idealização e conceção enquanto atleta. Estes momentos promovem todos aqueles aspetos que já mencionei para o meu trajeto enquanto atleta, desde a aprendizagem técnica relacionada ao setor no qual estou envolvida à criação de novas correntes de amizade. Acredito que estas ações são também importantes pois proporcionam-nos novas visões sobre a modalidade.

 

JV – Objetivos e/ou perspetivas para esta nova época?

     Para esta época os meus principais objetivos são conseguir vencer o Campeonato Nacional de Juvenis e o Olímpico Jovem Nacional nos 100 metros barreiras e alcançar a qualificação para o Festival Olímpico da Juventude Europeia (FOJE), competição internacional que se realizará em Baku, no Azerbeijão.

 

Um agradecimento à Ashley pela sua disponibilidade e votos de uma excelente época!



Parcerias Institucionais

Parcerias Privadas